Dieta do Carboidrato

Dieta sem carboidrato


Uma dieta sem carboidrato visa perda de peso rápida e eficaz, principalmente para quem não tem tempo para seguir uma reeducação alimentar no momento.

Os carboidratos são substâncias facilmente encontradas nos alimentos mais comuns, e carregam maior parte das calorias de todas as refeições. Convertidos em açúcares pelo nosso organismo, fornecem energia para o corpo e, quando consumidos em excesso acumulam na forma de gordura.

Desse jeito, os carboidratos são vilões quando o assunto é perda de peso, o tem levado cada vez mais pessoas a abandonar uma dieta que carregue carboidratos na composição.

Como montar Dieta sem Carboidrato?

Como o próprio nome diz, essa dieta visa o corte quase que total dos carboidratos. Não há como cortar 100% dos carboidratos de uma dieta, haja vista que quase todos os alimentos apresentam esse nutriente em sua composição.

O cardápio correto para essa dieta deve compor diversos alimentos, de forma que o corpo consuma os nutrientes necessários, mas o mínimo de carboidrato possível. Visto isso, separei  uma lista de alimentos liberados.

Alimentos com poucos Carboidratos

  • Vegetais: Eis alguns vegetais que estão liberados para consumo nessa dieta: Pimentão, espinafre, alface, cebola, couve-flor, brócolis, couve, cenoura e beterraba. Evite os ricos em carboidratos, como: batatas, arroz, milho e soja.
  • Carnes: De modo geral, todos os tipos de carnes possuem pouco carboidrato. São, em sua maioria, constituídas de vitaminas e proteínas. Tanto carnes de peixes e frangos, quanto bovinas e suínas podem incorporar o cardápio.
  • Óleos Vegetais: Livres de carboidratos, esses óleos podem ser usados na cozinha sem medo. Óleo de soja, girassol, coco e azeites se enquadram nessa categoria.
  • Oleaginosas: castanhas são ricas em selênio, magnésio, e quase não apresentam carboidratos. São ótimas opções para lanches entre as principais refeições: amêndoas, nozes e macadâmias.
  • Frutas: Em sua maioria são carregadas de carboidrato, então é melhor maneirar. A única fruta liberada nesse tipo de dieta é o abacate, rico apenas em gorduras boas para a saúde.
  • Derivados do Leite: O leite em si é comumente evitado em dieta sem carboidrato, porém alguns de seus derivados podem ser consumidos sem exagero. São eles: queijos, manteiga e iogurtes. Procure sempre optar pelas versões lights e desnatadas.
  • Temperos: Os temperos são a melhor forma de adicionar sabor aos alimentos, principalmente quando o intuito é perder peso (o que implica na diminuição da ingestão de sal). Pimentas, alecrim, coentro, orégano, entre outros, estão liberados nesse plano alimentar.
    • Ovos: ótima fonte de proteínas, o ovo possui poucos carboidratos e é uma ótima opção para o café-da-manhã, já que fornece energia para o corpo começar bem o dia.
  • Bebidas: Os sucos, mesmo que naturais, são carregados de carboidratos (já que são feitos a partir de frutas que, como dito acima, são ricas nesse nutriente). Refrigerantes são ricos em açúcares, o que é péssimo para saúde. Nesse caso, recomenda-se ingestão de água, chás e cafés.

Advertências:

Uma dieta sem carboidrato não pode ultrapassar os 7 dias, já que a ausência de carboidratos pode trazer malefícios ao organismo. Se necessário, intercale uma semana dessa dieta e uma sem.

Dieta Fit

Café da manhã (8h)

  • 1 porção de lácteo desnatado (1 pote de iogurte natural ou 1 copo de leite)
  • 1 porção de carboidrato (2 fatias de pão integral ou 1 xíc. (chá) de cereal)
  • 1 porção de óleo (10 g de manteiga ou margarina)
  • 1/2 porção láctea (1 fatia de ricota)
  • 1   fruta

Lanche da manhã (11h)

  • 1 pote pequeno de iogurte ou 2 porções de frutas
  • 1 col. (sopa) de aveia, granola, linhaça, quinoa ou amaranto

Almoço (14h)

  • Salada de folhas verdes à vontade
  • 1 col. (sobremesa) de azeite
  • 1 porção de carboidrato (125 g de arroz branco ou 130 g de batata sautée)
  • 1 porção de proteína (1 filé de frango grelhado ou de peixe)
  • 1 porção de leguminosas (1 concha de feijão ou 2 col. (sopa) de lentilha)
  • 2 porções de hortaliças (6 col. (sopa) de abobrinha ou 4 col. (sopa) de beterraba)
  • 1 porção de fruta

Lanche da tarde (17h)

  • 1 fruta ou 1 fatia de queijo minas
  • 1 col. (sopa) de aveia, granola, linhaça, quinoa ou amaranto

Jantar (20h)

  • Salada de folhas verdes a vontade
  • 1 porção de carboidrato (3 1/5 col. (sopa) de macarrão ou 3 col. (sopa) de purê de batata)
  • 1 porção de proteína (80g de carne cozida ou 2 ovos cozidos)
  • 1 porção de hortaliça (2 ½ fatias de tomate ou 1 col. (sopa) de brócolis cozido)
  • 1 colher de sopa de azeite

Ceia (23h)

  • 1  fruta

Dieta do limão


A dieta do limão (também conhecida como dieta da limonada) nasceu a partir de uma dieta desintoxicante criada por um autor americano, Stanley Burroughs, de 50 anos.

Com o passar do tempo, essa dieta foi sendo refinada e ganhou várias versões. Conquistou popularidade em vários países, inclusive no Brasil, onde alcançou várias avaliações positivas de quem a seguiu.

A versão mais popular da dieta do limão é bem fácil de ser seguida. Apesar de existirem várias versões dessa dieta, no geral a idéia é perder até 2 quilos por semana (ou 8 quilos em um mês).

Como seguir a dieta do limão

Essa dieta combina principalmente dois pontos:

  • Tomar limonada pela manhã. Começar o dia tomando limão com água, em jejum, todos os dias enquanto estiver de dieta. Esse ponto é o carro chefe da dieta, ou seja, sua característica principal é fazer da limonada o primeiro alimento do dia.
  • Manter uma alimentação equilibrada. O resto do dia deve contar com refeições balanceadas, de cardápio com calorias reduzidas.

Algumas versões da dieta do limão consideram tomar limonada também no almoço, ou em lanches entre as refeições, ou ainda, usar o sumo do limão para temperar saladas, por exemplo.

Diferentes versões acreditam, inclusive, que é melhor diluir o limão em água morna para consumir, e outras, defendem que o melhor é ingerir a limonada na versão gelada.

Como o limão pode ajudar a perder peso

O limão é uma fruta de características cítricas. Isso porque ele é rico em vitamina C, e a maior vantagem aqui é de se tratar de uma fruta facilmente encontrada em mercados.

Além disso, possui algumas propriedades que podem ser bem convenientes em uma dieta para emagrecimento:

É antioxidante

Todo alimento antioxidante combate os radicais livres, que são responsáveis pelo envelhecimento das células, principalmente da pele.

Fortalece o sistema imunológico

A vitamina C impede a ação negativa dos radicais livres em células imunológicas do corpo, ou seja, fortalece a saúde do corpo.

Deixa o corpo firme

Os nutrientes que compõem o limão são a base da molécula do colágeno, isto é, substância responsável por deixar a pele firme e com aspecto jovem.

Melhora o funcionamento do cérebro

O limão ajuda na absorção de ferro pelo corpo. O ferro é principal responsável pela produção de enzimas que conseguem manter os neurônios sempre conectados. Além disso, uma boa absorção de ferro pelo organismo evita e trata sintomas da anemia.

Ajuda a evitar casos de Osteoporose

A vitamina C presente no limão tem o papel fundamental de assimilar o cálcio no nosso organismo. O cálcio é o mineral responsável por manter a firmeza óssea e dos dentes.

Como preparar adequadamente a sua limonada:

A limonada pode sim ser saborosa e bem simples. Dilua o suco de 1 limão (tamanho médio e com bastante sumo), em um copo de água gelada. Não é permitido colocar açúcar, mas o adoçante está liberado.

Cardápios para a Dieta do Limão

Não há um cardápio determinado para essa dieta. Como disse, o correto é manter a alimentação equilibrada e livre de alimentos calóricos e gordurosos.

Dieta detox 3 dias


A dieta detox consiste em ingerir alimentos diuréticos não muito calóricos para desintoxicar o organismo. A mesma se baseia em consumir apenas frutas, verduras, chás, sopas e sucos, onde esses alimentos irão ajudar a eliminar as toxinas do corpo, principalmente as que são ingeridas em baladas e eventos onde as pessoas exageram principalmente em bebidas alcoólicas ou outras substâncias nocivas a saúde.

Essa dieta deve ser curta, somente seguida por no máximo 3 dias, isso ajudará o corpo a dar uma resposta positiva. E para isso acontecer o indivíduo deve consumir muito líquido, principalmente água e sucos, para que as toxinas sejam eliminadas pela urina.

É bom fazer uso de alguns alimentos diuréticos para que o corpo possa eliminar todos os líquidos ingeridos mais rapidamente. Não devemos seguir essa dieta para perder peso, pois caso faça isso irá ter sérios problemas de saúde, pois o organismo não vai estar ingerindo alimentos básicos e importantes para manter nosso corpo em perfeito funcionamento.

Vantagens da dieta detox 3 dias

Essa dieta favorece a perca de peso rapidamente, pois o corpo irá ingerir alimentos com poucas calorias como frutas ou legumes, além dos chás e bebidas diuréticas, porém é necessário se atentar ao curto prazo de tempo, não exagere, 3 dias é o suficiente para que o corpo possa se recuperar bem de uma longa festa regrada a bebidas alcoólicas. O corpo irá se beneficiar de alimentos ricos em vitaminas, minerais e antioxidantes afim de também evitar o envelhecimento precoce.

Desvantagens dessa dieta

O consumo de calorias é muito baixo, então as pessoas irão sofrer muito com o cansaço, dores de cabeça, tonturas, em alguns casos até desmaios, fraqueza, e indisposição. O indivíduo irá absorver muito pouco carboidrato e isso é suficiente para que os dias sejam no mínimo ruins, mas a dieta detox tem que ser feita, não somente por ter consumido drogas no evento da noite anterior e sim também por intoxicação alimentar ou por consumo exagerado de remédios.

O corpo irá perder peso, mas será praticamente só água, essa dieta não serve para perder gordura. Quando deixamos de consumir carboidratos toda a água retida do corpo vai embora, é importante beber litros de líquidos por dia para evitar a desidratação.